Próximas edições

Obs.: Horário UTC + 1 (Lisboa); Número máximo de participantes: 10.

Ferramentas fundamentais para uma divulgação científica eficaz e cativante

 

Sinopse

Das alterações climáticas à experimentação de novas vacinas, passando pela computação quântica e a neuro-robótica, há cada vez mais necessidade, por parte do público leigo, de compreender questões científicas complexas. Como transformar uma descoberta ou um problema científico em informação para o público em geral? Como escrever textos claros e cativantes sem perder rigor? Vamos aprender quais são as fontes de notícias científicas para os jornalistas e como disseminar a nossa história.

 

«Excelente. Uma oportunidade para adquirir novos conhecimentos, reciclar ideias, partilhar dúvidas. No final do primeiro dia, consegui, em contexto profissional, adotar práticas adquiridas na formação.» Ana Reis (Jornalista)

«Foi uma óptima experiência. Aprendi muito, com muita aplicabilidade no meu percurso profissional. As formadoras são excelentes, com muita experiência e grande  capacidade para motivar e ensinar.» Sandra Oliveira (Investigadora científica)

 

Descrição

Neste curso, analisaremos os vários contextos da comunicação científica e aprenderemos a transformar factos científicos complexos em notícias que sejam interessantes e compreensíveis para o público em geral. Vamos abordar técnicas de narração que permitem contar histórias a partir de factos científicos, articulando textos e imagens. Examinaremos as fontes de notícias científicas e aprenderemos a fazer entrevistas. Finalmente, trocando o chapéu de autor com o de assessor de imprensa, aprenderemos a escrever um comunicado e a preparar um media kit

Curso ministrado em regime a distância. As sessões são síncronas e decorrem em direto nos dias e horário definidos, não havendo possibilidade de serem gravadas.

 

Objetivos

  • Identificar as características principais da divulgação científica e do jornalismo científico;
  • Individualizar as tipologias e os canais da divulgação científica;
  • Transformar um facto científico numa notícia;
  • Redigir textos de divulgação que respeitem as regras da boa comunicação científica;
  • Escrever de forma clara e eficaz, aplicando técnicas de produção de textos;
  • Contar uma história a partir de um facto científico;
  • Encontrar ideias e/ou informação para escrever textos de divulgação científica;
  • Procurar e selecionar as imagens certas para integrar a informação escrita;
  • Preparar um comunicado de imprensa, um press kit e um media kit;
  • Refletir sobre algumas implicações éticas da divulgação da ciência.

 

Destinatários

  • Investigadores com responsabilidade na divulgação da ciência;
  • Profissionais de saúde com responsabilidade na comunicação ao público em geral;
  • Estudantes de disciplinas científicas e da área da saúde;
  • Estudantes de Comunicação Social.

 

Programa

  • Comunicar a ciência: uma introdução teórico-prática;
  • Do facto científico à notícia para os leigos;
  • Boas práticas para a escrita de textos de divulgação científica;
  • Técnicas de produção de textos;
  • Comunicação da ciência como forma de narração;
  • Caça às ideias e preparação de entrevistas;
  • Falar por imagens;
  • Escrever para os jornalistas;
  • Comunicar a ciência: implicações éticas.

 

Requisitos

Para frequentar este curso é necessário ter acesso a um computador ou tablet com ligação à Internet e um browser como o Chrome, Safari, Firefox ou Internet Explorer.

Não necessita de instalar quaisquer programas no seu computador para poder aceder ao curso.

Este curso não exige qualquer conhecimento prévio do tema.