A escrita sempre foi a minha paixão, desde criança. Contos, poemas, ficções, fizeram parte de mim desde muito cedo. E quando chegou a hora de escolher uma via profissional, fui para Comunicação Social.

Licenciei-me em 1987 e construí uma carreira de cerca de 30 anos no jornalismo. Em 2011, o meu livro de contos infantis Era Uma Vez Um Nariz vence o prémio literário Maria Rosa Colaço, e o meu mundo começa a mudar.  A publicação do livro, em 2013, levou-me ao contacto com crianças que querem dar largas à sua imaginação. Em 2015, publico também Todas as Caras de um Gato, que reune 80 microcontos. E nunca mais parei.

Paralelamente à escrita, desenvolvo oficinas de escrita criativa tanto para adultos, como para crianças e jovens. O objetivo é que os alunos trilhem, tal como eu fiz, um caminho de autonomia e criatividade. Abraçando sonhos e enfrentando medos, que vejam nascer os seus projetos de escrita. Está dada a largada.