Vencedora do prémio literário revelação Agustina Bessa-Luís em 2009, tenho encontrado nas viagens o esteio para os diversos géneros literários que cumpro: romance, crónica de viagem e biografia.

Em 2008, publiquei duas obras: «O Vento dos Outros», recentemente reeditado – crónica de viagens à América do Sul – e «Bana Uma vida a cantar Cabo Verde», a biografia do cantor.

Em 2011, lancei «A Infanta Rebelde», biografia da Infanta D. Maria Adelaide de Bragança, livro condecorado Grande Oficial da Ordem de Mérito pelo Presidente da República de Portugal, em Janeiro de 2012. Lancei também «Sem Fim à Vista – a Viagem», um romance que retrata a luta de um doente cardíaco contra a morte enquanto viaja.

Com o romance-histórico «A Casa-Comboio», trouxe ao público a saga de uma família indo-portuguesa originária de Damão e a epopeia da desconhecida ou ignorada Índia Portuguesa. Está traduzido e publicado em Itália. «Mar Humano», romance histórico publicado em 2014, decorre nos bastidores da Imprensa portuguesa ao longo do séc. XX, refletindo sobre os desafios que os jornalistas atravessaram até aos dias de hoje e de como comunicaram amor, o impacto da ciência na evolução da consciência e a transformação das mentalidades.

«As Noivas do Sultão», o meu mais recente romance histórico, baseia-se em factos verídicos decorridos em 1793, aquando da chegada da família real e do harém do rei de Marrocos a Lisboa, após serem surpreendidos por uma tempestade no Atlântico. 

Nasci em Lisboa e licenciei-me em Direito. Repórter de viagens, publico impressões sobre os vários cantos do mundo no meu blog, além de colaborar com diversos jornais e revistas.

Sou formadora na Escrever Escrever desde 2008.

Fotografia de Fernando Dinis